Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
.

4 de dezembro de 2012

Review: The Walking Dead - 3x08 - Made To Suffer



"Todo esse tempo fugindo dos 'walkers' você esquece o que as pessoas fazem” - Maggie

Spoiler (Sem leitura das HQs):

Dizer que "Made To Surfer" foi épico seria até tirar os méritos do episódio. Tô desacreditado no que vi por aqui, e não digo por mortes, como muitos esperavam, digo mesmo por tudo aquilo que envolveu a trama como um todo, aquele misto de tensão, medo de que alguém importante morresse, esta provocação proposital que os roteiristas nos propuseram a sentir e que sentimos.

Talvez o confronto não era bem este que eu esperava, foi muito mais e muito além das minhas expectativas. Fez totalmente jus ao título dos pôsteres da temporada, principalmente diante de um ditador metido a pão e circo com seu povo, que sabe o que falar, manipular e distorcer fatos. Tanto é que a frase da Maggie que abriu a review se encaixa perfeitamente nesta ideia de quem realmente é O GOVERNADOR.

E quem é este tirano afinal? Se alguém perceber o seu discurso ao final do episódio, sua manipulação em ferrar Merle, a forma tratada ao pegar Daryl e dar a seu povo o veredicto final sobre o que poderia acontecer com os dois, foi bem estilo Pôncio Pilatos com Jesus Cristo e Barrabás. A diferença aqui é que não teve quem escolher, embora também não tivéssemos condenação já que o episódio terminou com minha cara de espanto e um breve e sonoro 'Não'.


Não mesmo, não era momento para terminar, ou era? Esta sede que nos deixaram de quero mais é clássica da TV e é fundamental para ser o chamariz para fevereiro de 2013 quando retornamos para a segunda metade da temporada. E agora? O que poderemos dizer deste épico episódio? O resgate de Glenn e Maggie, a forma como o Governador passou para seu povo que Rick e sua turma eram terroristas. O que dizer deste confronto entre os dois lados, transformando um episódio que fecha o ano para The Walking Dead como épico?

E que confrontos! Toda a estratégia de Rick Grimes em invadir Woodbury e resgatar Glenn e Maggie resultou num mega tiroteio que a cada minuto que passava me sentia cada vez mais tenso e nervoso com o que poderia vir adiante. Não era apenas a torcida para Rick, Daryl e Oscar, era a situação em que se meteram realmente, levando em conta principalmente a perda na equipe da prisão, já que Oscar, o único dos prisioneiros que era bom (já que Axel demonstrou que será problema), acabou morrendo. Jurava que iríamos perder alguém importante realmente, mas não aconteceu. 

O segundo confronto veio diante de Michonne e o Governador. No momento em que ela tinha Penny em mãos o Governador se rendeu a ela. Ali que vimos qual era a verdadeira fraqueza dele: sua filha Penny! O lado emotivo do Governador ficou explícito diante da situação e ele se sentiu totalmente destruído quando a espada atravessou a cabeça de Penny. Ele já havia demonstrado emoção quando Penny não lhe respondeu a sua tentativa de despertar sentimentos nela. A luta corporal foi outro daqueles momentos tensos do episódio e que rendeu muito nervosismo. Para ser sincero, o nervosismo foi muito maior, já que cada minuto que passava me sentia sem saber o que aconteceria, lembrando que não leio HQ antes dos episódios.


Olhando imagens das HQs com os desenhos do Governador, hoje ele faz jus ao que realmente é a imagem do personagem. Talvez aí que entre um novo Governador, sem medo, embora ele tenha alegado isso a seu povo, talvez até como manipulação para jogá-los contra aqueles que ele trata como terroristas. Típico do americano! Com o tapa-olho ele acaba se transformando, e com certeza veremos uma nova etapa para o personagem, mais violento muito provavelmente e muito mais feroz. Lembrando que na “arena de gladiadores” sua traição a Merle veio como justificativa para sua não proteção total a aquele povo. Como seu braço direito fosse quem realmente os atraiu até Woodbury. Inclusive o Governador iria usar da tática que usou com o exército, levantando bandeira branca para tomar a prisão, matar todos e entregar aos zumbis. Sua tentativa de "povoar" é única a ele mesmo? O que parecer ameaça a seu reinado ele elimina?

Agora, e a Andreia hein? Até entendo a justificativa de todos em querê-la morta. Mas acho que a série só tem a perder com isso, principalmente porque teríamos que substitui-la em nosso momento de fúria e a quem odiar, já que até Carl é querido e salvou o grupo de Tyreese, o personagem tão esperado para esta terceira temporada. Lembrando que a própria Andrea substituiu outra odiada, a Lori. Mas depois de salvar o Governador das mãos de Michonne, com certeza ela perdeu e muito com os fãs da série. E não digo por conta de salvar o governador, mas sim por enfrentar, bater de frente com aquela quem lhe salvou e cuidou dela durante meses e quando mais precisou.

O terceiro confronto na verdade foi o que deu início a todos os outros, já que Glenn e Maggie enfrentaram Merle e Cia. sem armas? Que nada! Confesso que não entendo como um rapaz com feridas pega e destroça um zumbi, tendo contato com seu sangue e nada acontecer. Enfim, o osso do zumbi virou arma e foi o que chamou a atenção de Rick, que fez com que ele os resgatasse, que culminou na troca de tiro e morte de Oscar, e enquanto isso Michonne lutava contra o Governador.

Do outro lado da história vem Tyreese, um personagem querido na HQ segundo algumas informações e que chegou a prisão e ganhou e muito meu respeito. Depois de passarem poucas e boas, passarem por lugares ruins, enfrentaram um garoto que ganha créditos a cada dia. Mas não enfrentar literalmente, até porque Carl os ajudou quando eles chegaram à prisão. O que quis dizer no caso é que Carl inteligentemente, protegendo os seus, os aprisionou em um lugar seguro e que não fossem ameaças a ele. Lado positivo da história: Tyreese é forte, parece ser um bom soldado e respeitou quando Sasha quis enfrentá-lo. Ao dizer que era o melhor lugar que tiveram até agora, disse ainda que esta era a casa do garoto. Ganhou meu respeito nesta breve apresentação, porém Sasha parece ser problema.

Ainda sobre a prisão temos Axel, que pensou que Carol era lésbica e quis investir na garota de 17 anos, Beth. Com certeza com a morte do Oscar, e com seu jeito pedófilo (o que realmente parece ser), ele vai ser problema para a turma do Rick, já que enfrentaram outro que é o Governador. Confesso que esperava um tiro de Carl no Axel, ele ganharia crédito com todo mundo mais ainda. Afinal, ele gosta de Beth.

PS: E a visão do Shane hein? Estaria Rick exausto e ainda com reflexos da morte da Lori?
Quem quer que chegue fevereiro logo?

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More